D. ANTONIO DA COSTA E SOUSA DE MACEDO, Bacharel em Direito pela Univ. de Coimbra, Secretario Geral do Governo Civil de Leiria, Deputado ás Cortes na Legislatura de 1857 a 1858, etc. etc. – N. em Lisboa a 24 de Novembro de 1824, sendo sexto filho do primeiro Conde de Mesquitella D. Luis da Costa e Sousa de Macedo. – E.

571) As minhas Saudades. Coimbra, na Imp. de Trovão & Companhia 1844. 8.º de 46 pag. – Pequena collecção de poesias offerecidas ás Senhoras Lisbonenses.

572) Moliere: Drama historico original portuguez em cinco actos. Lisboa, na Imp. Nacional 1857. 8.º gr. de 94 pag. – V. ácerca d’esta composição o juizo critico, que vem na Revista Universal Lisbonense vol.III da 2.ª serie pag. 272.

573) Estatistica do Districto Administrativo de Leiria. Leiria, na Typ. Leiriense 1855. 4.º gr. de XII‑375 pag. – É dividida nas seguintes partes: 1. População – 2. Industria – 3. Administração financeira – 4. Beneficencia – 5. Instrucção Publica – 6. Justiça Criminal: com 53 mappas illustrativos.

574) Adolpho e Virginia, ou a Festa Pastoril, Poema campestre, em 459 versos hendecasyllabos. Inserto no Ramalhete tomo V, 1842, pag. 159 e seguintes, assignado só com as iniciaes D. A. da C.

Foi um dos fundadores, e assiduo collaborador do jornal o Leiriense, e tem fornecido varios artigos para outros periodicos politicos e litterarios, em Lisboa e Coimbra etc. etc.

 

[Diccionario bibliographico portuguez, tomo 1]