Fr. MANOEL DA ENCARNAÇAÕ Ulyssiponense e filho de Jacinto de Moraes e Maria Rodrigues. Quando contava 15. annos de idade recebeo o habito de Carmelita Calçado em o reformado Convento de Santa Anna de Colares a 31. De Mayo de 1665. e no Convento de Lisboa professou solemnemente a 3. de Junho do anno seguinte. De Prior do Convento de Evora foy nomeado Sancristaõ mór do Convento de Lisboa, e depois Socio ao Capitulo Geral que se havia celebrar em Roma em que fõy eleito a 17. de Mayo de 1698. Geral da Ordem Fr. Carlos Filisberto Barbari. Voltando da Curia obteve o grao de Mestre merecido pelo pulpito a que muitas vezes subira. Sendo companheiro do Commissario dos Terceiros Fr. Francisco de Azevedo, compoz

Compendio da Regra dos Irmaõs da Veneravel Ordem Terceira de Nossa Senhora do Carmo. Lisboa por Miguel Manescal. 1685 8.

Falleceo no Convento de Lisboa a 14. de Dezembro de 1721. quando contava 71. annos de idade, e 56. de Religioso assistindo no dia antecedente á sua morte, a Completas, e a Salve que se canta a Nossa Senhora no meyo da Igreja da qual foy cordealissimo devoto. Delle faz mençaõ Fr. Manoel de Sá Mem. Hist. dos Escrit. do Carm. da Prov. de Portug. cap. 75.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]