Fr. MANOEL DE N. SENHORA, natural da Villa de Obidos do Patriarchado de Lisboa, filho de Antonio Alvares, e Maria Antunes. Professou o instituto Serafico em o Convento da Visitaçaõ de Villa-Verde da Provincia dos Algarves a 16 de Setembro de 1697. Foy Guardiaõ dos Conventos de S. Antonio da Lourinhã, e S. Bernardino. Traduzio de Latim em Portuguez

Carta que escreveo o Serafico Patriarcha S. Francisco a todos os Sacerdotes da Christandade. Lisboa, por Pedro Ferreira Impressor da Augustissima Rainha nossa Senhora 1740. 4.

 

 [Bibliotheca Lusitana, vol. III]