Sor MARIA DO SACRAMENTO, naõ menos illustre no sangue por ser descendente dos Condes de Villa-Franca, que por sua discriçaõ, e benevolencia religiosa praticada no reformadissimo Convento da Madre de Deos da primeira Regra de S. Clara, situado fóra dos muros de Lisboa onde professou a 8 de Setembro de 1623. Falleceo piamente a 26 de Janeiro de 1679. Escreveo

Noticias da Fundaçaõ do Convento da Madre de Deos de Lisboa, e de algumas cousas, que se puderaõ descobrir com certeza das Vidas, e mortes de muitas Religiosas Santas, que houve nelle continuadas até o anno de 1652. 4. M. S.

Está escrito em Dialogo, e nunca sahio da Clausura pela grande humildade da Authora, que della, como da obra faz mençaõ, Fr. Jeronymo de Bellem Chron. Seraf. da Prov. dos Algarv. Introd. p. 275.

 

 [Bibliotheca Lusitana, vol. III]