MARCOS CERVEIRA DE AGUILAR, Capitaõ da Ordenança da Villa de Setubal. Compoz

Dialogos das Armadas, e Naos de guerra destes Reinos de Portugal. Dirigido ao Conde D. Diogo da Sylva Governador dos Reinos, e Senhorios de Portugal. Saõ Interlecutores Capitaõ, Condestavel, Mestre, e Alferes. 4. M. S. Começa Depois que soube sua morte me fez merce nomearme por seu Capitaõ. Consta de 180 paginas. Conserva-se na Livraria do Excellentissimo Marquez do Louriçal. No fim tem os nomes dos aparelhos, e mais instrumentos da embarcaçaõ.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]