AGOSTINHO ALBANO DA SILVEIRA PINTO, n. na Cidade do Porto a 17 de Julho de 1785, filho do bacharel José Xavier da Silveira Pinto e de sua mulher D. Maria Perpetua Pereira da Silveira. Foi Doutor em Philosophia pela Univ. de Coimbra em 1806, Ajudante do batalhão Academico em 1808, e depois Alferes de infanteria n.º 12. – Terminada a guerra peninsular voltou para a Universidade, e formou‑se nas faculdades de Medicina e Mathematica, cursando tambem algumas cadeiras de Direito. Exerceu a clinica medica por alguns annos no Porto, e foi Lente de francez na Academia de Marinha e Commercio da mesma cidade. Director da Eschola Medico‑Cirurgica, Lente da cadeira de Agricultura, e exerceu varias outras commissões do serviço publico. Deputado ás Côrtes em todas as legislaturas desde 1838 a 1852. Membro do Tribunal do Thesouro Publico, Vice‑Presidente do Tribunal de Contas, Ministro e Secretario d’Estado dos Negocios da Marinha e Ultramar, etc., etc. Foi Commendador da Ordem de N. S. da Conceição, e teve outras condecorações nacionaes e estrangeiras. Membro de diversas Academias e Corporações Scientificas, tanto em Portugal como em outros paizes.

Morreu na sua casa de Aguas‑Sanctas a 18 de Outubro de 1852. A sua biographia pelo sr. Rodrigo de Moraes Soares sahiu na Esperança, jornal politico, n.º 48 de 26 de Outubro de 1852. V. tambem o artigo assignado M*** na Revolução de Setembro n.º 3174 do mesmo dia. – E.

58) Novos Elementos de Grammatica Franceza, extrahidos dos grammaticos mais celebres e acreditados em França. Lisboa, 1815. 8.º de 177 pag. Têem sido até hoje adoptados para compendio nas aulas do Porto, e tiveram seis edições successivas, sahindo a ultima com o titulo de Elementos de Grammatica Franceza para uso dos alumnos que estudam esta lingua. Sexta edição correcta e acrescentada. Coimbra, na Imp. da Univ. 1841. 8.º.

59) Primeiras linhas de Chimica e Botanica, coordenadas para uso dos que frequentam a aula de Agricultura da R. Academia da Marinha e Commercio. Parte primeira. Porto, na Typ. da Viuva Alvares Ribeiro & Filhos. 1827. 4.º de XVIII‑200‑149 pag. A segunda parte, que devia conter os Elementos de Agricultura, não chegou a publicar‑se.

60) Noções sobre a Cholera‑morbus indiana, extrahidas principalmente da obra de J. Kennedy, e outros. Lisboa, na Imp. Reg. 1832. 8.º de XII‑113 pag.

61) Conclusões praticas ou aphorismos deduzidos da observação sobre a Cholera‑morbus. Porto, na Typ. de Alvares Ribeiro. 1833. 8.º gr. de 10 pag.

62) Codigo Pharmaceutico Lusitano, ou tractado de Pharmaconomia no qual se explicam as regras e preceitos com que se escolhem, conservam e preparam os medicamentos, e se apresentam as virtudes, usos, e dóses das formulas pharmaceuticas. Terceira edição mais correcta e acrescentada. Porto 1842. 8.º gr. – E quarta edição mais correcta e acrescentada. Ibi 1846. 8.º gr.

63) Pharmacographia do Codigo Pharmaceutico Lusitano… 1836. 8.º gr.

64) Prelecções preliminares ao curso d’Economia Politica da Eschola da Associação Commercial do Porto. Porto, na Typ. Commercial Portuense. 1837. 8.º gr. de 293 pag., com um retrato do auctor bem mal lithographado.

65) Exame da questão sobre a livre navegação do Rio Douro. Porto, na Typ. Comm. Port. 1840. 8.º gr. de 56 pag.

66) A Divida Publica Portugueza, sua historia, progresso, e estado actual. Lisboa, na Imp. Nacional 1839. 4.º.

67) A Crise financeira em 1841, a Commissão creada por decreto de 22 de Março do mesmo anno, e as Memorias do Sr. Deputado Roma. Porto, Typ. da Revista 1841. 8.° gr.

68) Exame Critico das causas proximas da actual situação financeira. Lisboa, na Imp. Nacional 1843. 4.º.

69) Exposição Synoptica do systema geral da Fazenda Publica em Portugal, addicionada com algumas observações. Lisboa, na Imp. Nacional 1847. 4.º gr. de 57 pag.

70) Elogio de Agostinho José Freire. Sahiu no n.° 7 dos Annaes da Sociedade Litteraria Portuense. Porto 1839. 8.º gr.

71) Memoria biographica do conselheiro José Ferreira Borges. Sahiu no tomo I da Revista Litteraria, e vem mencionada na Bibliogr. Hist. Port. do Sr. Figaniere sob n.º 1277 sem o nome do auctor.

Foi tambem redactor principal da referida Revista Litteraria. Porto 1838 a 1843, 11 vol. 8.º gr., onde se encontra grande numero de artigos por elle compostos, ou traduzidos: bem como no Repositorio da Sociedade Litteraria Portuense, e em muitos outros jornaes. Consta mais que alem de importantes trabalhos manuscriptos deixou promptos para a imprensa dous volumes da obra de que ultimamente se occupava, por elle intitulada Historia financeira de Portugal desde o tempo do Conde D. Henrique até o nosso.

Alguem julga que com fundamento deve attribuir‑se‑lhe toda, ou pelo menos grande parte da redacção dos seguintes escriptos:

72) Memoria Estatistico‑historica sobre a administração dos Expostos na cidade do Porto, redigida pela Camara Municipal da mesma cidade. Porto, na Typ. da Viuva Alvares Ribeiro 1823. 4.º de 42 pag.

73) Relatorio que a Commissão Sanitaria da cidade do Porto fez subir á augusta presença de S. M. Imperial o Duque de Bragança, Regente etc… Lisboa, na Imp. do Governo 1833. 4.° de 35 pag. – Versa sobre a primeira invasão da cholera‑morbus no Porto em 1833. Agostinho Albano foi presidente da referida Commissão.

 

[Diccionario bibliographico portuguez, tomo 1]