Luísa Marinho Antunes Paolinelli é Professora Auxiliar no Centro de Competências de Artes e Humanidades da Universidade da Madeira, academia na qual é docente desde 1994. Fez o Mestrado em Literatura Portuguesa (Faculdade de Letras, UL, 1995) e o doutoramento em Literatura Comparada – Literatura Portuguesa e Literatura Brasileira (UMadeira, 2004). Leciona nas áreas da Literatura Portuguesa e Brasileira, Estudos Literários e Estudos Interculturais (programas de segundo ciclo-mestrado).

Publicou Entrada dos Reis (em parceria com Catarina Fonseca, 1992), O Romance Histórico e José de Alencar – Contribuição para os Estudos Lusófonos (2009) e Cinco Sentidos Mais 2 – Sobre os Livros (2013),  As Malícias das Mulheres: Discursos sobre Poderes e Artes das Mulheres na Cultura Portuguesa e Europeia (2014), Creare la parola, creare il mondo. Poeti lusofoni contemporanei (2015), Baltazar Dias (em parceria com Cristina Trindade e José Eduardo Franco, 2018), Os que se divertem (em parceria com Cristina Trindade, José Eduardo Franco Cláudia Neves e Carlos Barradas, 2018) contribuindo de forma assídua com artigos, ensaios e capítulos de livros no domínio da Literatura Comparada.

Faz parte da Comissão Científica de revistas como Kamen’- Rivista di Poesia e Filosofia (Itália) e Revista Confluências Culturais (Univille, Brasil), entre outras. É
membro da Comissão Científica do CISESG, Centro Internazionale di Studi Europei Sirio Giannini, Itália, Conselheira Correspondente da Fondazione Nazionale Carlo Collodi, Itália, membro da Comissão Científica do Centro Studi Sirio Giannini (IT) e coordenadora do projeto internacional “Estudos do Humor – Perspetiva Multidisciplinar e Multicultural ”..

No campo da tradução, é responsável pela tradução de textos científicos e literários, como La Machina Lirica – Herberto Helder (Edizione del Leone, 2006), e pela edição e introdução crítica de autores de língua portuguesa para a revista Kamen’.

Responsável pela área da literatura no projecto “Aprender a Madeira – Dicionário Enciclopédico da Madeira” (CLEPUL, dir. José Eduardo Franco).

Coordena o Projecto Interdisciplinar “Estudos sobre o Humor” – Universidade da Madeira, Universidade Aristóteles de Salónica (GR), Universidade de Nottingham (UK), Fondazione Carlo Collodi (IT), Universidade de Joinville (BR). Nesse âmbito, foi “guest editor” de Jolie – Journal of Linguistic and Intercultural Education, Special Issue: Humour that divides; humour that unites, ed. Teodora Popescu, guest editors Alcina Sousa, Aline Bazenga, Luísa Marinho Antunes, Rodica Pioariu, Rodica Chira – Alba Iulia: Aeternitas,Vol. 2/2010, No. 2.

Coordenou a equipa da UMa (Partner 2) do Projecto “Pinokio” (Pupils for INnOvation as a Key  to Intercultural and social inclusion) ” (co-funded by the Lifelong Learning Programme – Comenius Multilateral Project- for a period of two years: 1.10.2009-30.09.2011) – Fondazione Carlo Collodi (IT), Universidade da Madeira, Universidade Aristoteles (Salónica, GR), Museu Grimm (DE), Universidade de Veneza (IT), Menuhin Foundation (FR) (2009/2012) – http://www.pinokioproject.eu/node/2,

Em 2012, na área da literatura infantojuvenil, publicou Piri-Piri: O Desaparecimento da Estátua (Funchal, O Liberal), obra traduzida para italiano em 2014 (Piri-Piri: Il Caso della Sparizione della Statua, Voghera, Ticinum Editore), À Descoberta da História da Diocese Global (Imprensa Académica, 2014), Tesouros da Ilha (Edições Esgotadas, 2017), Fábulas do Sótão (Edições Esgotadas, 2017), Elegato  (Edições Esgotadas, 2018).