D. IERONIMO DA CRUZ natural da Villa de Linhares em a Provincia da Beyra filho de Pays nobres chamados Alvaro de Siqueira, e Leonor Rodrigues Botelha. Ao tempo, que estudava em a Universidade de Coimbra recebeo o habito Canonico Augustiniano em o Real Convento de Santa Cruz a 31 de Janeiro de 1586. onde tendo por Mestre o celebre D. Pedro Figueiró sahio grande Theologo, e insigne Escriturario para o que lhe servio a profunda intelligencia da lingua Hebraica dictando por alguns annos a Sagrada Escritura aos seus domesticos. Depois de ser Secretario do Geral D. Miguel de Santo Agostinho, e haver por ordem delRey, e do Colleitor Gaspar Pallacio Bispo de Santegelo vizitado, e reformado a Congregaçaõ dos Conegos Seculares do Evangelista, como tambem exercitado com universal aprovaçaõ os lugares de Prior do Convento da Serra, e de Vizitador Geral, foy eleito a 10 de Mayo de 1615. Prior Geral da sua Canonica Congregaçaõ em cujo tempo foraõ aceitas as Constituiçoens aprovadas por Paulo V. pelas quais se governa. Crecendo com os annos os seus merecimentos segunda vez obteve o Generalato a 22 de Abril de 1630. deixando sempre saudozos os subditos da benevolencia do genio, e prudencia do juizo com que os governara sendo exemplar da observancia regular assim na assistencia do Coro, como na abstinencia do jejum. Á sua ardente devoçaõ se deve a instituiçaõ do Jubileo das quarenta horas em os tres dias precedentes a quarta feyra de Cinza em o Convento de Santa Cruz Coimbra. Compoz.

Commentaria in Psalmum Quinquagessimum. M. S. fol. Desta obra estar escrita com grande espirito dà testemunho D. Nicol. de Santa Maria Chron. dos Coneg. Reg. liv. 10. cap. 38.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. II]