IACOME CARVALHO DO CANTO natural da Villa de Guimaraens onde teve por Pays a Antonio Vaz do Canto, e Izabel Fernandes Vicente, e por Tio o insigne Poeta Gil Vicente de quem se fez merecida mençaõ em seu lugar. Desde a puericia foy inclinado à açoens virtuosas de que deu repetidas provas em todo o discurso da sua vida. Sendo Porteiro do Tribunal do Santo Officio assistio no tempo da peste, que devorou grande parte dos moradores de Lisboa no anno de 1599. Com ardente charidade aos prezos para que naõ fossem despojos de taõ medonho flagello. Sahindo de noute da Igreja de S. Domingos achou exposto à inclemencia do tempo hum pobre, que tomando sobre seus hombros o conduzio a sua caza onde foy tratado com piedosa hospitalidade. Foy ornado de animo pacato, de tal sorte que sendo provocado varias vezes pela terrivel condiçaõ da sua consorte nunca rompeo em palavra, ou açaõ colerica. A mayor parte do tempo gastava na liçaõ de livros asceticos dos quais extrahia documentos solidos para direçaõ da vida, que exercitava. Cumulado de merecimentos passou a lograr o premio das suas virtudes na eternidade em o anno de 1623. Delle faz memoria Joan. Soar. de Brito Theatr. Lusit. Liter. lit. 1. n. 1. Compoz.

Perola precisa ornada com excellentes documentos, e avizos espirituaes para desterro de pecados, e exercicio de viirtudes. Lisboa por Pedro Craesbeeck. 1610. 12. & ibi pelo mesmo 1616. 12. & ibi por Domingos Carneiro 1680. 16. No fim deste livro está hum Tratado com este titulo.

Ramalhete de flores espirituaes. Lisboa por Pedro Craesb. 1610. 12.

Exercicio de humildes para rezar o Rosario, e duas Coroas de N. Senhora, e a Coroa de Christo com outras oraçoens devotas com a Coroa de Santo Antonio. Lisboa por Joaõ Alvares. 1619. 16. & ibi por Alvares. 1645. 24.

Livro de rezar, e manual de Oraçoens. Lisboa por Pedro Crasbeec. 1612. 24.

& ibi por Joaõ Alvares. 1657. 12. & ibi por Domingos Carneiro. 1669. 16.

Horas da Cruz de Christo. Arte, e aparelho Santo para bem morrer. Lisboa por Pedro Craesbeeck. 1613. 24.

Excellencias, e louvores do Santissimo Sacramento do Altar. Lisboa por Vicente Alvares. 1615. 24. & ibi por Antonio Alvares. 1645. 24.

A perfeita religiosa, e Thezouro de avizos, e documentos espirituaes com hum Tratado de meditaçoens devotas do Amor de Deos. Lisboa Pedro Crasbeeck. 1615. 12.

Coroa das Excellencias de Santo Antonio de Lisboa. Lisboa por Antonio Alvares Impressor del Rey. 1640. 24.

Regra de perfeiçaõ de alguns estados aos quais se ensina a composiçaõ dos

bons costumes, e evitar peccados, e exercitar virtudes. Lisboa por Antonio

Rodrigues. 1675. 12.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. II]