P. FRANCISCO RIBEIRO Naceo em a Cidade de Evora onde teve por Pays a Manoel Nunes e Jzabel Francisca. Em o Noviciado da sua Patria recebeo a Roupeta da Companhia de JESUS a 10. Fevereiro de 1668. e depois de aprender as letras humanas, e as sciencias escholasticas dictou na Academia Eborense Humanidades, Filosofia, Escritura, e Theologia Moral atè ser graduado Doutor em 2. de Julho de 1696. Governou com prudencia os Collegios de Braga, e de Coimbra em cujo governo depois de tolerar acerbissimas dores cauzadas de huma chaga passou ao descanço eterno a 14. de Julho de 1715. Escreveo doutissimas obras assim Filosoficas, como Theologicas das quaes nunca permitio se publicasse alguma, e para que naõ ficasse totalmente sepultada a memoria do seu grande talento fez publica pelo beneficio da impressaõ hum seu discipulo a seguinte obra.

Lucubrationes Philosophicae ad libros Aristotelis de ortu, & interitu, sive Tractatus de generatione, & corruptione. Eborae ex Typographia Academiae. 1723. 4.

Da obra, e do Author se lembra o Padre Francisco da Fonseca Evor. Glorios. pag. 431.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. II]