O Prémio Vergílio Ferreira no ano de 2019 vai ser atribuído à escritora brasileira Nélida Piñon.

O júri do Prémio composto por Fernando Cabral Martins (Prof. Universidade Nova de Lisboa), Ângela Fernandes (Prof. Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa), Anabela Mota Ribeiro (Jornalista), Cláudia Afonso Teixeira (Prof. Universidade de Évora), e Antonio Sáez Delgado (Prof. Universidade de Évora, presidente) decidiu atribuir o prémio à escritora Nélida Piñon “pela latitude e profundidade da sua obra, que revela uma linguagem capaz de estabelecer e harmonizar um diálogo fértil entre a memória feminina e a História”.
“O Prémio Vergílio Ferreira, instituído pela Universidade de Évora em 1997, destina-se a galardoar anualmente o conjunto da obra literária de um autor de língua portuguesa relevante no âmbito da narrativa e/ou ensaio. Este prémio é entregue a 1 de março, no mesmo dia em que se assinala o aniversário da morte do seu patrono e autor de ‘Aparição’”.

Sobre Nélida Piñon (Biografia e bibliografia): http://www.academia.org.br/academicos/nelida-pinon/biografi

Galeria Prémio Vergílio Ferreira: http://www.uevora.pt/univercidade/premio_vergilio_ferreira

Fonte: Universidade de Évora