Fr. FILIPE DE SANTA THEREZA naceo em Lisboa a 20. de Mayo de 1681. sendo filho de Antonio Dias Correa, e Antonia da Sylva. No real Convento patrio de N. Senhora do Carmo, professou o Instituto da primitiva Observancia de Carmelita Calçado a 15. de Mayo de 1701. sendo admittido a Collegial do Collegio de Coimbra a 3. de Novembro de 1703. estudou as sciencias severas, que depois dictou aos seus domesticos nos Conventos da Moura, Lisboa, e Collegio de Coimbra. Recebeo o gráo de Doutor Theologo em o Convento do Carmo de Lisboa a 10. de Junho de 1726. sendo seu Padrinho o Illustrissimo, e Reverendissimo D. Thomàs de Almeyda, primeiro Patriarcha de Lisboa, onde foy Regente dos Estudos, e depois Prior eleito em o anno de 1735. em cujo governo, que durou cinco annos, augmentou o Convento com edificios, e rendas, donde subio ao lugar de Provincial com universal jubilo dos votantes a 11. de Janeiro de 1744. Sendo ornado de grande talento para a Cadeira, o naõ tem menos feliz para o pulpito, de cujo ministerio Sagrado unicamente publicou.

Sermaõ de S. Luiz Gonzaga, prégado no quinto dia do Outavario 10. De Novembro de 1727. que à sua Canonizaçaõ, e de S. Stanislao Koscka, consagràraõ os Religiosos da Companhia de JESUS do Collegio, e Universidade de Evora. Evora na Officina da Universidade. 1730. 4. Sahio na Relaç. das Festas da Canoniz. a pag. 192.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. II]