MANOEL COELHO DA GRAÇA natural da Villa de Aveiro da Provincia da Beira, e filho de Joaõ Coelho, e Izabel da Graça. Ordenado de Presbitero exercitou o lugar do Mestre das Cerimonias em o Hospital Real de todos os Santos desta Corte de cujo estudo era muito perito. Falleceo em Lisboa a 15. de Abril de 1740.

Compoz.

Breve noticia das Entradas, que por mar. e terra fizeraõ nesta Corte Suas Magestades com os Serenissimos Principes do Brasil, e Altezas em 12. de Fevereiro de 1729. Lisboa por Bernardo da Costa Impressor da Religiaõ de Malta 1729. 4.

Sahio traduzida em Castelhano por D. Andres de Sá y Avila. Sevilla por la Viuda de Francisco Leefdael. 4. sem anno da Impressaõ.

Laconica, e funebre noticia das exequias, que os Religiosos de S. Francisco do Convento de Xabregas fizeraõ a seu irmaõ o Illustrissimo D. Fr. Jozé de Santa Maria de Jesus meritissimo Bispo das Ilhas de Cabo Verde da terra firme de Guiné, Serra Leoa do Conselho de Sua Magestade em o dia de 20. de Junho de 1736. Lisboa por Pedro Ferreira Impressor da augustissima Rainha Nossa Senhora 1736. 4.

Manual das Mysticas signifcaçoens de todas as ceremonias, que se offeciaõ nos divinos Oficios da Semana Santa. Lisboa pelo dito Impressor 1739. 16.

Memoriale Caeremoniarum Hebdomadae mayoris prae manibus habendum pro commoditate Ecclesasticorum, praecipue Regalis Hospitalis omnium Sanctorum ordinatum, &c. excerptum à tertia parte Miscellaniae Caeremoniarum, quae pertinet ad omnes Festivitates totius anni. Ulyssipone typis regalibus Silvianis, Regiaeque Academiae, 1740. 16.

Obras M. S.

Enchiridion Ceremoniatico, Chronologico, Historico, Hormogeniaco em que se contem a decisaõ de algumas duvidas, que há na celebraçaõ do Sacrosancto Sacrificio da Missa para mayor intelligencia das Rubricas do Missal Romano reformado pela Santidade de Urbano VIII. Tom. 1. Enchiridion Ceremoniatico Chronologico Agiologico, Hormogeniaco, e Historico em que se contem as decisoens de algumas duvidas, que ocorrem na celebraçaõ das  Festas principaes de todo o anno conforme as Rubricas do Missal Romano reformado pela Santidade de Urbano VIII. Tom. 2.

Epitome das Cerimonias, que se devem observar no Sacrosancto Sacrificio da Missa, e na resa das Horas Canonicas recopiladas dos mais modernos e doutos Authores, e Expositores do Missal, e Breviario Romano reformados pela Santidade de Clemente VIII.

Ramilhete de flores, que no Jardim da Igreja floreceraõ na virtude, e Santidade tecido com o agradavel das noticias, que diariamente vaõ repartidas pelo discurso de todo o anno no qual se veraõ muitas novidades dignas de as lerem os curiosos, e saberem todos.

Todas estas Obras estavaõ correntes com as licenças dos Tribunaes para se imprimirem.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]