P. MANOEL RODRIGUES, natural da Villa da Covilhã do Bispado da Guarda, onde teve por Pays a Francisco Gonçalves, e Guiomar Rodrigues. Alistou-se na Companhia de Jesus em o Noviciado de Coimbra a 27 de Dezembro de 1561 para Coadjutor espiritual. Na fatal peste do anno de 1569 que devastou grande parte de Lisboa, foy hu dos charitativos instrumentos que Deos escolheo para livrar a muitas pessoas do contagio, naõ sómente neste, mas no que abrazou Braga, e Coimbra no anno de 1599 naõ lhe causando horror a morte, para que entre tantos estragos preferisse a salvaçaõ das almas á sua propria vida. Cumulado de merecimentos partio a lograr o premio eterno em Coimbra a 20 de Setembro de 1612. Delle faz memoria o P. Antonio Franco Imag. da Virt. do Nov. de Coimb. Tom. 2. liv. 4. cap. 12. Escreveo

Relaçaõ da peste, que devastou a Cidade de Coimbra no anno de 1599, e do que obrou, e mais seus companheiros em soccorro dos apestados. Sahio impressa na Imag. da Virtud. assima allegada cap. 12. n. 6. até 14. e cap. 13. n. 4. até 12. E cap. 14. n. 4. até 7. e cap. 15. n. 4. 5. e 7.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]