MATHEOS CASTANHO DE FIGUEIREDO, naceo em a Villa de Aveiro em o anno de 1600, sendo filho de Manoel Castanho de Figueiredo, primo com irmaõ de D. Fr. Miguel Rangel da Ordem dos Prégadores, Arcebispo de Goa, de que se fará mençaõ em seu lugar. Depois de receber os graos de Mestre em Artes, e de Bacharel em a sagrada Theologia pela Universidade de Coimbra, foy Vigario de S. Joaõ de Loure, que apresenta a Prioreza das Religiosas Dominicas do reformado Convento de JESUS de Aveiro, donde passou para Prior da Igreja de S. Salvador   de Meiraõ do Padroado Real em o termo da Villa de Penamacor. Teve profunda instruçaõ da Escritura sagrada, Santos Padres, e Sagrados interpretes, como tambem das letras humanas. Falleceo, quando contava 44, para 45 annos de idade. Jaz sepultado na Igreja Matriz de S. Miguel da Villa de Aveiro na Capella de S. Jozé, fundada com abundante renda por seus Avôs. Compoz

Sete mysterios do Patriarcha S. Jozé penozos, e gozosos em que se trataõ seus louvores com moralidades provadas com lugares da sagrada Escritura. Coimbra por Manoel Carvalho 1639. 4. Desta obra, e de seu author faz mençaõ Anton. da Costa e Carvalho Corog. Portug. Tom. 2. p. 123.

Tratado dos Passos dolorosos de Christo JESUS dividido em tres partes; derigido ao Illustrissimo Reverendissimo Senhor D. Pedro de Lencastro Bispo eleito da Guarda. M. S. Conserva-se na Bibliotheca do Marquez Mordomo mór.

Excellencias das Quinas de Portugal com moralidades aplicadas ao muito alto, e poderoso Rey D. Joaõ IV. 4. M. S. Começa o 1. Capitulo A primeira excellencia, que nestas Quinas, etc. Acaba o ultimo Capitulo Com a belissima estrella da Missa, e mais estrellas, que a estas esclarecidas luminarias precedem, et precederem.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]