Fr. MARTINHO DE ALJUBARROTA, cujo apelido denota a patria que lhe deo o berço situado nos Coutos de Alcobaça do Patriarchado de Lisboa, Monge Cisterciense. Traduzio por ordem de Dom Fernando Mendes Abbade perpetuo de Alcobaça, em o anno de 1607 da lingoa Latina em a materna

Regra de S. Bento. fol. M. S. Conservase na Bibliotheca do Real Convento de Alcobaça.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]