P. MATHIAS DA MAYA, natural da Villa de Atalaya do Patriarchado de Lisboa, e Titulo de Condado. Foraõ seus Pays Simaõ da Maya, e Martha Rodrigues. Entrou em o Noviciado de Lisboa da Companhia de Jesus a 20 de Março de 1629. Foy Procurador geral da Provincia do Japaõ, e Missionario em os Reinos de Tunquim, e Cochinchina. Publicou sem o seu nome

Relaçaõ da Conversaõ da Rainha, e Principe da China á nossa Santa Fé com a de outras pessoas da Casa Real, que se bautisaraõ no anno de 1647. Lisboa 1650. 4. Sem nome do Impressor.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]