SIMAÕ CARDOSO PEREIRA, filho de Manoel Cardoso, e Antonia Pereira naceo em Lisboa, donde passando á Universidade de Coimbra fez grandes progressos a sua capacidade no estudo da Jurisprudencia Cesarea em que recebeo o grao de Bacharel com aplauso dos seus Mestres. Restituido á patria exercitou o Officio de Advogado de Causas Forenses com igual credito da sua litteratura, que desinteresse sendo procurado pelas pessoas de mayor graduaçaõ para Patrono das suas controversias. Igual á sciencia juridica era a veya poetica, com que metrificava sendo hum dos mais celebres alumnos da Academia dos Singulares, instituida na sua patria no anno de 1663, por cujos dotes o celebra Bartholameu de Faria Collega da mesma Academia.

Entre Poeta, e Letrado

Naõ sey qual admire mais;

Mas de prendas taõ iguaes

Fico igualmente admirado.

Numa e outra de estremado

Excedervos naõ podeis

Pois o muito, que sabeis

Com igual soberania

Sois nas Leys da Poezia

O mesmo que sois nas leys.

Extendeu-se o seu estudo ás noticias historicas, e investigaçoens genealogicas em que fez naõ vulgares progressos a sua aplicaçaõ. Falleceo em Lisboa a 11 de Janeiro de 1690. Jaz sepultado no Convento de N. S. da Graça. Foy casado com D. Catherina da Costa, de quem naõ teve sucessaõ.

Compoz

Allegaçaõ de Direito em favor do Excellentissimo Senhor D. Agostinho de Lancastro sobre a sucessaõ da Casa de Aveiro. Lisboa por Joaõ da Costa 1680. fol.

No 1. Tomo da Academia dos Singulares. Lisboa por Henrique Valente de Oliveira. 1665. 4. & ibi por Manoel Lopes Ferreira 1692. 4. Estaõ de Simaõ Cardoso Pereira, Espinelas, Soneto, Endechas. 4. Sylvas. 4. generos de Decimas. Oraçaõ recitada a 25 de Novembro de 1663. 4. No 2. Tom. da Acad. dos Sing. Lisboa por Antonio Crasbeek de Mello 1668. 4. & ibi por Manoel Lopes Ferreira 1698. 4. Oraçaõ recitada a 26 de Outubro de 1664. 2. Sylvas. 2. Romances.

Familias Portuguezas 4. Tomos. fol. M. S. Delle se lembra o P. D. Ant. Caetano de Sousa. Apparat. á Hist. Gen. da Cas. Real Portug. p. 137. §. 159. affirmando que de alguns papeis Genealogicos que vira deste Author, bem se mostrava a grande capacidade que tinha para semelhante estudo.

 

[Bibliotheca Lusitana, vol. III]