Fr. SEBASTIAÕ DE SANTAREM, natural da Villa de Campo-Mayor da Provincia Transtagana. Foraõ seus Progenitores Jozé Tavares Roldaõ Tenente General do Estado do Brazil, Governador do Rio de Janeiro, e depois da Villa de Serpa, e D. Maria Cortezoa. Estudada a lingoa Latina, e Filosofia acompanhou a seus Pays, que hiaõ cumprir hum voto a N. Senhora de Guadalupe, e neste celebre Sanctuario habitado pelos Religiosos de S. Jeronymo pedio o habito, e professou este sagrado instituto a 30 de Setembro de 1691. Restituido ao Reino ratificou a profissaõ no real Convento de Santa Maria de Belem a 8 de Dezembro de 1719, onde ficou perfilhado. Aplicou-se ao estudo da Musica em que o seu engenho fez admiraveis composiçoens que foraõ ouvidas com geral aplauso. Tinha prompto para a impressaõ as seguintes obras

Historia do Rey dos Reys, e Senhor dos Senhores Jesus Christus heri, & hodie ipse & in saecula. Dividida em 3 Partes das quaes a primeira andava nas licenças.

Tratado em que explica no sentido historial, e moral as Fabulas. M. S.

 

 [Bibliotheca Lusitana, vol. III]