THEODOSIO DE S. MARTHA, natural de Lisboa, filho de Joaõ Rodrigues, e Tereza Bernarda. Foy admitido á Congregaçaõ dos Conegos Seculares do Evangelista no Convento de Santo Eloy a 4 de Outubro de 1700, onde aprendidas as Sciencias escolasticas as dictou aos seus domesticos. Depois de receber a borla doutoral na Universidade de Coimbra, e ser Qualificador do Santo Officio, foy eleito Geral da sua Canonica Congregaçaõ no anno de 1737. Pela noticia que tinha dos privilegios, e indultos da mesma Congregaçaõ, como da Historia Ecclesiastica, e Secular, foy nomeado Chronista. Compoz

Sermaõ nas profissoens de duas Irmãas as Senhoras D. Maria Rosa de Mendoça, e D. Anna Rita de Mendoça no Convento das Religiosas de .S. Francisco da Castanheira em dia de S. Isabel Rainha de Portugal aos 4 de Julho de 1731 estando o Santissimo exposto. Lisboa na Officina da Musica. 1732. 4.

Elogio Historico da Illustrissima e Excellentissima Casa de Cantanhede, Marialva chefe dos esclarecidos Menezes, e Telles. Lisboa por Manoel Soares Vivas. 1751. fol. Consta de 639. paginas.

De Jure Canonicorum 3. Tomos fol. Estaõ correntes com a faculdade dos Tribunaes para Impressaõ.

Commentarium in Psalmum Super flumina Babilonis. fol. M. S.

Destas obras faz mençaõ o Author na Prefaçaõ do Elogio Historico da Casa de Marialva.

 

 [Bibliotheca Lusitana, vol. III]